A Carboxiterapia consiste na aplicação subcutânea de dióxido de carbono que melhora a circulação e oxigenação dos tecidos e é indicada para o combate de celulite, gordura localizada, flacidez, estrias, micro-varizes e pré e pós lipoescultura.

É um tratamento estético realizado através da infusão de gás carbônico em diferentes camadas da pele, garantindo eficácia na regeneração dos tecidos e melhora da circulação sanguínea.

A carboxiterapia é feita com o uso de um aparelho acoplado a um cilindro de gás carbônico medicinal, sendo que a profundidade da aplicação da agulha varia em cada caso.

O gás carbônico atua dilatando os vasos sanguíneos e estimulando a formação de novos, promovendo uma melhor irrigação de sangue nos tecidos e, consequentemente, melhor oxigenação da região tratada.

Atua também no rompimento de fibroses do tecido subcutâneo favorecendo a formação de colágeno, elastina e efeito lipolítico (quebra das células de gordura).

No caso das estrias, o gás carbônico atua distendendo o tecido da cicatriz, preenchendo a região e estimulando a formação de colágeno no local.

O tratamento é contraindicado em casos de infecção ativa na região a ser tratada e doença pulmonar que cause retenção de gás carbônico, como a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC).